Home / Região / Tentativa de golpe em concessionaria termina em prisão

Tentativa de golpe em concessionaria termina em prisão

MANHUAÇU (MG) – Um jovem residente da cidade de Matipó (MG) de 20 anos foi abordado pela Polícia Militar nesta segunda-feira, 29/01, no bairro Bom Jardim, em Manhuaçu. Ele se apresentava com outra identidade, dizia ser médico, que estava rico e queria comprar carros e tratores.

As histórias contadas pelo rapaz são incríveis. Na primeira concessionária de veículos, dias atrás, ele se apresentou como Ricardo, dizendo que era filho de um Promotor de Justiça de Manhuaçu, porém sua família havia falecido em um acidente automobilístico. Para completar a historia, alegava que seu pai havia lhe deixado uma grande herança, assim como um veiculo de luxo, um Range Rover . Ainda na versão dele, como o carro apresentou um problema, o vendeu e com o dinheiro queria comprar uma caminhonete e iria pagar a vista.

O rapaz então convenceu um funcionário a busca-lo em Matipó para fazer o teste drive. Ele deixou tudo acertado para comprar a S10 de 185 mil reais, mas sumiu, depois que a concessionária pediu os documentos dele. Foi aí que começou a desconfiança.

A segunda  tentativa foi com um vendedor de tratores agrícolas. O mesmo rapaz se identificou como sendo médico de Juiz de Fora, com o nome de Ricardo e que queria comprar alguns tratores para sua fazenda na zona rural de Pedra Bonita.

Devido à boa conversa do autor, o vendedor foi até a cidade de Matipó e o levou até Guarará para mostrar tratores. Ele não gostou dos modelos, voltou para Manhuaçu e fez uma proposta para comprar de veículos e maquinários no valor de 766 mil reais. Quando foi questionado para entregar seus documentos, ele desconversou e novamente  desistiu do negócio.

Outra vítima disse que o tal Ricardo pediu que fosse com ele a vários terrenos na zona rural de Pedra Bonita, para fazer um serviço de paisagismo, alegando que era médico na região de Juiz de Fora e tinha propriedades por aqui.

O quarto caso foi com outra concessionária em Manhuaçu.  Dessa vez, ele se identificou como Ricardo, morador da cidade de Juiz de Fora, Médico, dessa vez tentando comprar um veiculo caminhonete Hilux, no valor de 192 mil reais. O vendedor pediu os documentos e ele desconversou, surgindo então a desconfiança.

Ao saberem que o rapaz estava indo em diversas concessionárias e lojas de veículos, nesta segunda-feira, uma das vítimas marcou uma visita para ele a uma das empresas, pois havia uma promoção de veículos.

Dessa vez, a Polícia Militar foi chamada. O tal jovem chegou acompanhado de um rapaz, que disse que também foi enganado. Ricardo havia prometido pagar a faculdade dele e mais dois mil reais para que trabalhasse na fazenda de seu pai.

O rapaz de 20 anos confessou que usava nome falso para efetuar compras nas concessionarias, porém não conseguiu sucesso em seu golpe em nenhuma delas. Ele admitiu que buscava fotos e outras coisas na internet para ludibriar as pessoas a acreditarem em suas histórias.

Como as vítimas preferiram não representar contra o rapaz, mesmo tendo prejuízos com deslocamentos e outras despesas que ele causou, a PM registrou um Termo Circunstanciado de Ocorrência por causa da falsa identidade para que ele compareça à Justiça em fevereiro.

 

Fonte : http://www.portalcaparao.com.br

About extra90

Check Also

Orizânia (MG): Homem é preso com veículo adulterado na zona .

Share this on WhatsAppDando continuidade aos trabalhos de combate a crimes de roubo/furto na região, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *